6 estratégias para aumentar o impacto de artigos científicos

1 – Elaborar perguntas claras para chegar ao tema É importante que o problema da pesquisa esteja bastante claro e responda a perguntas objetivas, embora pareça óbvio, a pesquisa tem de responder o que até então não é conhecido. Uma boa pergunta é um grande passo para construir um bom artigo.


2 – Treinar e aprender com os erros Durante a trajetória científica, altos e baixos são comuns. Ao longo da carreira, é possível que artigos submetidos sejam recusados. Com isso, é preciso rever os erros cometidos, pois é isso que potencializa sua inserção, oferecendo trabalhos de maior qualidade.

Os projetos de iniciação científica auxiliam nesse processo de aprendizagem.


3 – Participar de grupo e rede de pesquisas

A fim de proporcionar a troca de conhecimento e de experiências, é interessante a participação em rede de pesquisadores. Esses grupos são considerados um dos requisitos mais importantes para o avanço da ciência, por permitir a interação com outros pesquisadores, o compartilhamento de resultados e dificuldades, como também a produção de pesquisas colaborativas e a longo prazo. Nos grupos, docentes orientam a produção de artigos, indicam obras de referência, incentivam a publicação dos resultados e estimulam a análise crítica entre os participantes.


4 – Aprender com estudos-referência da área e publicar em periódicos de qualidade A submissão de trabalhos deve privilegiar revistas nacionais e internacionais da área de atuação e que realmente exerçam influência no grupo-alvo de pesquisadores. A leitura dos artigos da revista, além de colaborar para ampliar a gama de conhecimento, o leitor ainda pode verificar quais fontes são citadas nos estudos, a metodologia, o tempo médio necessário para o desenvolvimento da pesquisa e atentar-se aos motivos que levaram à aceitação do artigo.

Publicar em revistas científicas indexadas com alto fator de impacto e que permita acesso on-line ao conteúdo. Para maximizar a possibilidade de acesso ao artigo, uma opção é publicar em revistas de acesso livre (open access.


5 – Elaborar pesquisas reprodutíveis

Um artigo claro, com dados disponíveis, metodologia detalhada e referências corretas ajudam a tornar a pesquisa reprodutível, ou seja, ela pode ser testada com mais facilidade por outro pesquisador. A reprodução adaptada para a obtenção de novos resultados traz mais referências, citações, para o estudo, como também críticas.

Conforme o tipo de estudo, para uma pesquisa ser reprodutível, é preciso ainda que o autor liste configurações do ambiente, sistema ou equipamento que utilizou para chegar aos resultados.


6– Diversificar as formas de divulgação

Ao divulgar o trabalho, é fundamental ir além das tradicionais apresentações em congressos. Outras opções são: compartilhar o conteúdo em redes sociais (acadêmicas ou não), conceder entrevistas a portais, jornais, rádio e TV; elaborar post para blogs; participar de podcasts; produzir vídeo para Youtube e outras plataformas e disponibilizar o arquivo para download em repositórios científicos.


Referência


Professores listam 7 estratégias para aumentar o impacto de artigos científicos. Disponível em:

https://www2.ufjf.br/noticias/2017/05/18/professores-listam-7-estrategias-para-aumentar-o-impacto-de-artigos-cientificos/. Acesso em: 17 ago. 2021.




Como referenciar este post?


CINTRA, PATRICIA. 6 estratégias para aumentar o impacto de artigos científicos. Post 107. Nutrição Atenta 2021.

32 visualizações

Posts recentes

Ver tudo